As aplicações de polímeros circulares, são o futuro!

15/03/2021

O grupo Repsol chegou a um acordo com o especialista em embalagens rígidas Jokey Group para o desenvolvimento de embalagens a partir de material reciclado para o acondicionamento de queijos da empresa de lácteos orgânicos Cantero de Letur, da cidade homónima de Albacete.


Fabricado por Jokey, esta embalagem sustentável utilizará PP circular da gama 'Repsol Reciclex' com certificação ISCC Plus. No fabrico destas resinas circulares, a Repsol utiliza tecnologias que permitem o aproveitamento de resíduos plásticos não adequados para a reciclagem mecânica, que de outra forma acabariam em aterro.


Este resíduo torna-se assim uma nova matéria-prima para os processos da Repsol, permitindo-lhe produzir novos materiais circulares com a mesma qualidade e funcionalidade das resinas virgens. Resinas que, portanto, são adequadas até mesmo para a indústria alimentar com os seus elevados requisitos de qualidade e higiene.

No início de 2020, a Repsol certificou todos os seus complexos petroquímicos com a acreditação ISCC Plus.


“Esta nova aliança permite avançar com a nossa pretensão de reciclar o equivalente a 20% de nossa produção de poliolefinas. Na Repsol estamos totalmente empenhados na economia circular, tendo uma estratégia de economia circular desde 2016. O nosso objetivo é oferecer à sociedade materiais que incorporem produtos reciclados, para envolver os utilizadores finais no consumo responsável e circular sem perceber alterações na qualidade”, afirmou Fernando Arroyo, Diretor de Polipropileno da Repsol.


Com esta aliança, as três empresas mostram o seu compromisso com o ambiente e a economia circular, reduzindo na produção e no consumo de materiais virgens e em simultâneo dando resposta à procura dos consumidores por embalagens mais ‘amigas’ do ambiente, liderando a transição num setor com elevados requisitos de segurança e higiene.

cofinanciado por:

© 2021 COMSINES