Reunião de trabalho aproxima Portugal e Brasil

05/07/2021

Reunião de trabalho aproxima Portugal e Brasil

No dia 24 de junho realizou-se uma reunião conjunta entre o Grupo de Trabalho de Prevenção e Segurança da COMSINES, a APQuimica - Associação Portuguesa da Química, o Grupo de Trabalho de Prevenção de Riscos da PACOPAR – Painel Consultivo Comunitário do Programa Atuação Responsável de Estarreja e a COFIP ABC – Comité de Fomento Industrial do Pólo do Grande ABC do Brasil.


A reunião decorreu em formato virtual, com recurso à plataforma MS Teams, e teve como principal objetivo aproximar Portugal e o Brasil a fim de se estabelecer uma partilha de iniciativas e melhores práticas relevantes para os complexos químicos dos dois países. Da agenda da reunião fez parte uma abordagem geral dos 3 complexos químicos representados e das suas empresas face a temas de prevenção e segurança industrial, incluindo resposta a emergências químicas (organização interna, ligação às autoridades públicas e abordagem num cenário de grande acidente industrial).


No decurso da reunião, os representantes da COFIP ABC apresentaram a sua organização que envolve 3 cidades da região de São Paulo e integra 1300 empresas, das quais 16 são da área química, petroquímica e refinação com um volume de negócios de 1,5 biliões de euros/ano. Foi também apresentado o trabalho que esta organização tem desenvolvido nas áreas da prevenção, segurança e também com as comunidades locais.


A PACOPAR centrou a sua apresentação na caracterização deste Painel Consultivo, bem como dos seus Grupos de Trabalho, com maior enfase para a atividade desenvolvida pelo Grupo de Prevenção de Riscos. Foi mesmo possível verificar muitas semelhanças entre o trabalho desenvolvido por este Grupo de Trabalho e pela COFIP ABC.


A COMSINES descreveu a Associação e os os seus Grupos de Trabalho, demonstrando que tem uma estrutura em tudo semelhante às suas congéneres PACOPAR e COFIP ABC. À semelhança do que aconteceu com a PACOPAR, a COMSINES apresentou em maior detalhe o trabalho desenvolvido pelo Grupo de Prevenção e Segurança que, entre outras iniciativas, tem o objetivo de criar um passaporte de segurança comum às várias empresas do complexo industrial de Sines. Foi analisada também a atividade do Grupo de Trabalho Competitividade, Logística e Transporte, que assume especial relevância no contexto da chegada a Sines de grandes investimentos como o cabo submarino EllaLink e a instalação do Data Center Sines 4.0.


Os participantes desta reunião concluíram que é de todo o interesse dar continuidade a este tipo de reuniões que permitem a partilha de conhecimentos, experiências e boas práticas e, no futuro poderão ser abordados em maior detalhe os temas da Segurança de Processo e da ligação às Comunidades Locais.